A WOMAN. AN AIRPORT. AN ESCALATOR.

(RJ, 2007, cor, MiniDV, 5′)


 
 

SINOPSE: Um plano-sequência de uma escada rolante. Tempo, matéria, espírito.

FICHA TÉCNICA: Realização: Marcelo Ikeda.

DECLARAÇÃO DO DIRETOR: Ao redor de nós, em situações comuns que geralmente nos passam despercebidas, pode existir todo um mundo, um sinal de vida, uma verdade. É preciso saber desenvolver nosso senso de observação e reflexão. Diante de um cenário de transformações em que o fluxo da informação segue na velocidade da luz, ficamos atônitos diante de múltiplas possibilidades e muitas vezes nos esquecemos das coisas mais simples. Inspirado pelos filmes de Abbas Kiarostami e pelos curtas do brasileiro Marcellvs L., A WOMAN. AN AIRPORT. AN ESCALATOR. abre uma série de obras que refletem sobre novas possibilidades do cinema contemporâneo, voltando-se para as suas origens: um cinema do registro e da câmera estática.

 
 

 
 
 
 
 
 
 
 

A BAG IN THE WIND

(RJ, 2005, cor, 2′)


 
 

SINOPSE: Um plano-sequência de uma sacola ao vento. Tempo, matéria, espírito.

FICHA TÉCNICA: Realização: Marcelo Ikeda.

 
 
 
  
   
 
  

COMENTÁRIOS: Retomando a veia estruturalista de Entremeio, realizei alguns vídeos com um único plano, como uma referência direta ao extraordinário filme do Marcellus L., a man. a road. a river. e ao ainda mais extraordinário Five, de Abbas Kiarostami. O segundo deles, a bag in the wind, possui uma grande simetria: dura exatamente dois minutos, com uma estrutura em espelho que acompanha o leve movimento da sacola, do despertar à paralisia. Dois exercícios do olhar.

 
 

 

Anúncios